117 Jô pega só um jogo por agressão a Rodrigo. Corinthians comemora e pede para ele se calar
A vitória que o Corinthians mais ansiava.

O STJD desqualificou a acusação de agressão de Jô a Rodrigo, da Ponte Preta.

Passou para ato hostil.

Em vez de quatro a doze jogos, acabou pegando a pena mínima de ato hostil.

Um jogo.

Não atuará contra o Avaí, em Itaquera.

E apesar da postura teatral, o Corinthians não recorrerá.

O resultado foi comemorado pela direção de futebol.

Mas o atacante acabou sendo cobrado.

E avisado pelos advogados corintianos.

O STJD não tolerará mais nenhum escorregão.

O que ajudou Jô a escapar foi o fato de ambos terem jogado juntos.

Atuaram no Internacional.

35 Jô pega só um jogo por agressão a Rodrigo. Corinthians comemora e pede para ele se calar

Por isso os auditores relevaram o pontapé que deu no zagueiro.

Mas está avisado.

É preciso se conter até o Brasileiro acabar.

E mais.

A ordem é para se calar, caso se envolva em nova polêmica.

Como Jô não confessou rapidamente ter feito gol com o braço contra o Vasco, foi muito criticado pela imprensa. Até porque todos se lembravam do que Rodrigo Caio fez por ele no Campeonato Paulista.

Intimidado, o jogador não mentiu e nem omitiu o pontapé que deu em Rodrigo para os repórteres.

Assumiu a agressão.

Essa postura quase coloca o julgamento sobre grande risco.

Até mesmo Fábio Carille pediu essa postura para Jô.

Não tem um jogador que chegue perto do atacante.

O elenco gosta da figura do turco Kazim.

Não sabe que seu futebol é fraco demais.

Tanto que não deverá seguir no Corinthians em 2018.

Jô atuará normalmente hoje contra o Atlético Paranaense.

E se fizer algo de errado, a ordem é se calar.

Chega de entrevista 'suicida'...
84 1024x698 Jô pega só um jogo por agressão a Rodrigo. Corinthians comemora e pede para ele se calar

http://r7.com/RexU