Falha inaceitável de Bruno e economia inconsequente de Brunoro. O Palmeiras foi eliminado da Libertadores no Pacaembu pelo Tijuana. Acabou o sonho. Resta a Segunda Divisão…

1ae10 Falha inaceitável de Bruno e economia inconsequente de Brunoro. O Palmeiras foi eliminado da Libertadores no Pacaembu pelo Tijuana. Acabou o sonho. Resta a Segunda Divisão...
"Sabe quantos goleiros nos foram oferecidos?

Trinta.

Mas não nos preocupamos com a contusão do Fernando Prass.

Confiamos no Bruno."

As palavras foram de José Carlos Brunoro.

O responsável pelo futebol do Palmeiras quis economizar.

Mesmo sabendo da fragilidade técnica do goleiro.

A falta de atitude do manager custou a eliminação do clube na Libertadores.

O time não vai disputar as quartas-de-final com o Atlético.

Muito menos mais R$ 2,7 milhões da Conmebol.

O dinheiro foi desperdiçado.

Tudo isso graças a uma decisão inconsequente da diretoria.

Futebol é lugar para profissionais.

Onde jogam os melhores.

As pessoas de bom caráter são ótimas para amigas.

Não para manter como goleiro titular da Libertadores.

Infelizmente Bruno é fraco.

Por isso o Palmeiras contratou Fernando Prass.

Foram exatamente suas seguidas falhas que estimularam a contratação.

E hoje uma falha bizarra do goleiro teve consequências arrasadoras.

Acabou com a mística vencedora do Pacaembu.

Calou a apaixonada torcida.

Enervou o limitado time.

Deu confiança aos mexicanos do Tijuana.

O lance aconteceu aos 25 minutos do primeiro tempo.

O Palmeiras estava sendo empurrado por sua torcida.

Os jogadores limitados se superavam.

Acreditavam que estavam no mesmo filme contra o Libertad.

Torcedores dormiram na rua para comprar ingresso.

Queriam mostrar que 2013 não seria apenas Segunda Divisão.

A euforia dominava o Pacaembu.

Afinal, o time havia empatado no México.

Bastaria vencer em casa.

O jogo estava brigado, violento.

O Palmeiras mostrava uma garra incrível.

Ayrton havia acertado o travessão de Saucedo.

O grito de primeiro gol estava na garganta da torcida.

Eram 24 minutos do primeiro tempo.

Mas um minuto depois, tudo iria mudar.

Os mexicanos tentavam um contragolpe normal.

A defesa palmeirense pressionava os atacantes mexicanos.

E o chute de Riasco saiu fraquíssimo.

Foi no meio do gol, na direção de Bruno.

Ele se agachou, dobrou os joelhos.

Chegou a bater uma luva na outra, ansioso para pegar a bola.

Já pensava em lançá-la para o ataque.

Mas de maneira inacreditável, ele a deixou passar.

Ela passou embaixo dos seus braços.

O Pacaembu se calava, ninguém acreditava.

Não deveria ser possível.

Talvez um pesadelo coletivo.

Mas nada disso.

Uma falha que vai entrar para a história do Palmeiras.

Tijuana 1 a 0.

Para deixar tudo ainda mais triste, Marcos e Velloso acompanhavam o jogo.

Estavam no camarote e viram o frango lamentável.

"Foi um erro grotesco", concordou o próprio Bruno.

33ae Falha inaceitável de Bruno e economia inconsequente de Brunoro. O Palmeiras foi eliminado da Libertadores no Pacaembu pelo Tijuana. Acabou o sonho. Resta a Segunda Divisão...

Brunoro deve ter se lembrado de cada um dos 30 goleiros que recusou.

Sua economia foi desastrosa.

O gerente profissional do Palmeiras falhou também em relação à arbitragem.

O Palmeiras permitiu que o venezuelano Juan Soto fosse escalado.

Ele é um dos piores juízes do quadro da Conmebol.

Brunoro descobriu isso ontem durante o jogo.

Fraco, inseguro, permitiu a catimba mexicana.

Eles usaram e abusaram da cera e dos pontapés.

Os jogadores palmeirenses perderam a concentração com a falha de Bruno.

Nervosos descontavam dando cotoveladas, xingando os mexicanos.

O esquema tático de Gilson Kleina era primário.

Ele queria guerra, não bom futebol.

Três volantes, dois meias e apenas Kléber trombando na área.

Dois laterais inseguros, fracos.

O Tijuana, fechado, esperando contragolpes.

Tinha quatro atrás, cinco no meio de campo e um atacante.

A partida feia, horrorosa, violenta.

Disputada nas intermediárias.

Com o gol de vantagem, dado por Bruno, os mexicanos se fecharam mais ainda.

Os jogadores do Palmeiras tinham muita vontade.

E nenhuma técnica.

Por isso era fácil à zaga mexicana se defender.

O árbitro teve uma atitude patética.

Pressionado, chegou a expulsar Ruíz por dois amarelos.

Mas voltou atrás, alertado que só havia o primeiro ao mexicano.

Um desastre.

Nas arquibancadas, a torcida já previa o desastre.

E se calava, nem parecia a que carregou o time nas costas na primeira fase.

Veio o segundo tempo e o clima era de velório antecipado.

Ele se confirmou rápido.

Logo aos seis minutos.

Henrique afastou mal de cabeça bola levanta na área palmeirense.

Ele rebateu para o meio, para a entrada da área.

Nos pés de Arce que acertou chute forte.

2 a 0 Tijuana.

Os 37 mil palmeirenses no Pacaembu não acreditaram.

Vários já começaram a ir embora.

Sabiam que não havia como virar.

O time é fraco demais.

Os jogadores foram bravos, lutaram.

Tiveram a recompensa em um pênalti dado pelo infeliz árbitro Soto.

A bola bateu na mão do zagueiro Aguilar.

Ele estava de costas, não teve a menor intenção.

Mas o venezuelano é péssimo de verdade.

Souza cobrou e descontou, aos 16 minutos.

O Palmeiras continuava nervoso, inseguro.

Mas conseguiria até empatar o jogo aos 24 minutos.

Não fosse a arbitragem anular gol legal de Kleber.

Foi marcado impedimento inexistente.

O Palmeiras forçava, buscava o empate sem a menor estratégia.

Os mexicanos, conscientes, quase chegaram ao terceiro.

Maurício Ramos salvou gol em cima da risca.

Aguillar ainda foi expulso aos 39 minutos.

Mas os mexicanos seguraram a vitória justa, merecida.

Que nasceu graças a Bruno.

"Eu sou o responsável pela eliminação.

O gol que sofri mudou todo o jogo.

Assumo, foi falha minha.

Peço desculpas.

Mas tenho certeza.

Minha carreira vai continuar no Palmeiras."

Um excelente caráter.

Assumiu a derrota.

Falou quando muitos fugiriam dos repórteres.

Mas como goleiro é muito fraco.

Sua falha custou a Libertadores de 2013 para o Palmeiras.

Que Brunoro pegue o dinheiro que economizou com os 30 goleiros...

E reforce o time para a Segunda Divisão.

Essa equipe é apenas lutadora, esforçada.

Se não vierem bons jogadores, o clube pode até não subir.

Principalmente se Bruno estiver em campo...
5ae Falha inaceitável de Bruno e economia inconsequente de Brunoro. O Palmeiras foi eliminado da Libertadores no Pacaembu pelo Tijuana. Acabou o sonho. Resta a Segunda Divisão...

95 Comentários

"Falha inaceitável de Bruno e economia inconsequente de Brunoro. O Palmeiras foi eliminado da Libertadores no Pacaembu pelo Tijuana. Acabou o sonho. Resta a Segunda Divisão…"

15 de May de 2013 às 00:45 - Postado por Cosme Rímoli

* preenchimento obrigatório



Digite o texto da imagem ao lado: *

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Comentários
  • joao paulo
    - 16 de maio de 2013 - 00:53

    Bem, sou admirador ao extremo de suas ideias e palavras Cosme! Mais desta vez não compartilho de sua opinião. O goleiro Bruno salvou o Palmeiras no jogo de ida, é dedicado, atleta de grupo e não merece esse massacre. Um dia você não consegue escrever bem, o engenheiro erra seus cálculos, e todo ser humano passa por isso! Força Bruno, minha torcida para que você possa realizar de forma brilhante seu trabalho

    Responder
  • RODRIGO ANDRADE
    - 15 de maio de 2013 - 22:11

    Prezado Cosme Rímoli, acompanho seu blog há algum tempo e na grande maioria das vezes, concordo com sua posição e comentarios sobre determinados assuntos. Entretanto, no caso da eliminação do Palmeiras, não concordo e entendo impiedosa e simplista demais, culpar apenas o goleiro pela eliminação. Ora, trata-se de um esporte coletivo, ele falhou no gol, sim, inegavel, todavia, time que quer ser campeão, ou simplesmente passar de fase, não pode se abater, tem é de tentar reverter a desvantagem, o Palmeiras deu um chute a gol em todo o 1º Tempo, seu ataque foi inoperante, assim como laterais e meio de campo, sem falar na defesa, onde Henrique, bom zagueiro por sinal, falhou tão feio quanto o Bruno, lembrando que todos estão sujeitos a falhas em suas profissões e nao vejo o zagueiro ser jogado "as feras", pela falha, o que acho correto. Além disso, achei os comentários incoerentes em algumas partes, você fala que o time do Palmeiras é apenas esforçado e limitado, mas atribui a culpa pela eliminação ao goleiro, ele não jogou sozinho, o Palmeiras foi eliminado, como você bem disse, porque, montou um elenco fraco, visando apenas a Segunda Divisão, além do amadorismo da diretoria. Ainda, ressalto que outro comentário seu, mostrou-se bastante irreal, parecendo querer "jogar a torcida" contra o goleiro, o que não acredito seja sua intenção, uma vez que é um profissional sério, mas diz: "Sua falha custou a Libertadores de 2013 para o Palmeiras". Ora, se o time, como você disse, era apenas limitado, esforçado, lutador, como iria disputar o titulo da Libertadores, o mais correto seria afirmar que no maximo, sua falha custou a classificação a proxima fase, titulo, lendo seus comentários, evidente que, você entende que o Palmeiras não tinha elenco para tal, mas para quem le o comentário apenas no final, fica a impressão dramatica de que a falha foi na decisão do campeonato. Outra coisa, que não foi mencionado pela imprensa, que ao que parece só quer saber de sensacionalismo, o Palmeiras perdeu, pelo simples fato de que o time mexicano, soube explorar os erros e os nervos do adversario e jogou melhor, portanto, injusto quando se afirma que esse ou aquele foi culpado pela eliminação, quando se trata de um esporte coletivo, o famoso 11 contra 11.

    Responder
  • CasseLLl
    - 15 de maio de 2013 - 21:13

    Brunoro esta certo em não contratar um goleiro e priorizar a série b. É o que temos para hoje se quisermos ter um centenário de glórias.

    Responder
  • Hudson da Silveira
    - 15 de maio de 2013 - 19:41

    O Corinthians vai ganhar fácil, fácil a Libertadores. Os timecos do Palmeiras, Santos e São Paulo estão levando ferro em 2013 porque são muito ruins. O timeco do Palmeiras só tem cabeças-de-bagre e pernas-de-pau. O timeco do Santos só passou pelos timinhos do Palmeiras e do Mogi Mirim graças aos pênaltis defendidos pelo Rafael. O Neymar não está jogando nada há muito tempo. O São Paulo não quis contratar um substituto à altura do Lucas, então, passou a depender dos gols do acabado Luís Fabiano (que gols???) e das assistências do morto-vivo Ganso (que assistências???). Juvenal, Odílio e Nobre estão ajudando o Corinthians a reinar absoluto. Os palmeirenses, santistas e são-paulinos terão que aguentar ver o rival disputando a final do Mundial contra o Borussia ou Bayern. Parabéns, Brunoro e Nobre. Vocês conseguiram o que queriam, afinal, para vocês a Libertadores era um estorvo. Vocês merecem o péssimo Maurício Ramos, o frangueiro Bruno, o inútil Vinícius, o Weldinho (4.ª opção para a lateral-direita do rival), o Kleber (quem viu Evair, quase tem um infarto ao ver este cara) e o Kleina “Coruripe”. Você, Brunoro, que ganha 130 mil reais mensais, só sabe desmoralizar o Palmeiras ao atrasar salários dos jogadores, culpar o Tirone pelas dívidas e bater boca com os conselheiros. Agora os pobres palmeirenses vão se concentrar nos pobres ASA, Icasa, Guaratinguetá e Oeste, enquanto os felizardos corintianos vão treinar para enfrentar os ricos Borussia ou Bayern.

    Responder
  • DIEGO
    - 15 de maio de 2013 - 18:23

    Obrigado pela resposta sobre o Dida e o Fabio. Nossa, como puderam deixar o Dida escapar! Dida com 60 anos tem mias qualidade que muitos no auge dos 27, 28 anos. Enfim; Obrigado mais uma vez. Abraço!

    Responder
  • DIEGO
    - 15 de maio de 2013 - 18:18

    Apolinario - 15/05/2013 - 11h11 kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, podemos até perder o tetra ( se bem que ganhamos tanto este paulista ultimamente que não fará falta) , mas que esta Libertadores sem duvida é MELHOR DOS ULTIMOS TEMPOS...ahhh isto é !!! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK GUARANI , GUARANI...que coisinha feia... --------------------------------------------------------------------------- Hahahaaa olha o desespero da CAMILA ALVARENGA kkkkk... zoando a queda do Palmeiras na Libertadores? Mas o San7os nem disputando a Liberta tá pow! sem moral nenhuma ... e o medo exalando do cnn hein? olha só como o ferreira já se faz pequenininho e diz que tudo bem perder o paulistinha kkkkkkkkkkkkkk o apolinario diz que nem vai fzer falta, mas vai chegar domingo vai roer as unhas da camila alvarenga e ficar torcendo que nem um mané kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk me divirto demais com o torcedor do time pequeno que se desdobra em 5, 6 pra tentar passar a imagem de uma torcida maior!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder
  • Joao Cesar
    - 15 de maio de 2013 - 17:17

    O Bruno deu um tremendo de um azar ontem, coitado... Não teve nada a ver com ser bom ou mal goleiro. Ele simplesmente não tem sorte. Infelizmente goleiro sem sorte, é complicado...... Fazer o que? Vida que segue.... Na minha opinião, a diretoria fez muito bem em apoiá-lo quando o Prass maachucou.

    Responder
  • Maria
    - 15 de maio de 2013 - 16:47

    O Palmeiras foi uma surpresa na Libertadores,não tinha time para ter chegado mas foi levando.Ontem um frangaço do goleiro escolhido por Brunoro para substituir o Prass colocou tudo a perder.Quer dizer que foi oferecido mais de trinta goleiros e mesmo assim não compraram nenhum,agora que paguem pelo amadorismo e falta de investimentos.Infelizmente para a torcida que encheu o estádio esses terão que se contentar em seguir o time na segunda divisão,esses dirigentes...

    Responder
  • Roberto
    - 15 de maio de 2013 - 16:20

    Cosme, tudo bem o Bruno falhou feio, mas o que eu vi ontem foi tudo menos futebol. Um show de horrores. Me diga uma jogada do Palmeiras digna de ser contada? Mereceu perder para o timinho do Tijuana que vai tomar um saco do Galo.Esse time não merece mais do que a série B

    Responder
  • Zizao
    - 15 de maio de 2013 - 16:16

    Palmela jogou muito luim. Meleceu delota na Libeltadoles da Amélica. O Colintia hoje pecisa joga muito né. Porque se non vai se da mal. Agola domingo vai te pescalia na vila belmilo.

    Responder
1 2 3 4 5