divulgação3337 Exclusivo. Ronaldo se propõe a tudo para segurar Adriano no Corinthians...

Aconteceu tudo o que a direção do Corinthians temia.

Adriano entrou como titular diante do Milan.

Lutou, teve uma atuação aceitável.

A sua Roma venceu dentro de Milão.

Foi elogiado pelo treinador Claudio Ranieri que o abraçou publicamente.

Até a imprensa italiana com quem tem birra se rendeu ao bom desempenho.

Feliz como uma criança que estava em recuperação e conseguiu salvar o ano, Adriano atendeu o seu empresário Gilmar Rinaldi.

Ainda na Itália disse que estava disposto a continuar na Roma.

Pelo menos terminar o Campeonato Italiano, ficar até o meio do ano para ver se 'as coisas boas voltaram para valer'.

Era tudo que Rinaldi desejava.

Ele está insistindo para o atacante esquecer o convite de Ronaldo desde que ele aconteceu, há dois meses.

O empresário insistia que Adriano faria um bobagem.

Porque na Roma ele ganharia pelo menos duas vezes e meia do que os R$ 400 mil fixos que o Corinthians oferece.

E mais: com contrato até o final de 2012.

Andres Sanches vai embora em dezembro de 2011.

Depois, não pode garantir o que o novo presidente do clube irá fazer.

Além do mais, Gilmar e Adriano lembram bem como foi a passagem dele pelo São Paulo.

Dentro campo, ele teve um bom rendimento.

Mas fora, Adriano se estressou vários vezes com a perseguição da imprensa.

E também não pôde dobrar a diretoria do São Paulo, que esteve a ponto de devolvê-lo antecipadamente a Inter de Milão.

Alem de brigar com os companheiros, o clube acobertou várias confusões que ele aprontou.

Muricy Ramalho sabe muito bem que pediu para Juvenal Juvêncio nem pensar em prorrogar o período do jogador no Morumbi.

Até hoje Ronaldo se queixa da falta de apoio dos jornalistas que cobrem o Corinthians.

É como ele desejasse que todos não enxergassem sua barriga incompatível para um atleta de alto nível.

Gilmar Rinaldi já avisou ao próprio Andres Sanches que a chance de Adriano ficar é remota.

Ronaldo vai insistir.

Irão se encontrar.

Ele tentará reverter o que parece impossível.

Vai se oferecer até a conseguir patrocinadores para ele.

E fazer propagandas juntas, com o dinheiro indo para o atacante.

Até que alcance o que recebe na Roma, entre salários e luvas: R$ 1,2 milhão mensais...

E depois brigar pela dispensa do clube italiano.

Não será tarefa fácil.

Ronaldo avisou a Andres que vai insistir com o amigo, inclusive de baladas.

Rinaldi tem um argumento forte para acabar com a esperança do atacante corintiano.

Todos sabem que 2011 é o último ano de Ronaldo em campo.

E como ficará depois?

Tudo que o jogador da Roma não quer é ficar sozinho, sem grandes amigos em um clube paulista.

Como aconteceu no São Paulo.

Adriano tem passagem de volta a Roma comprada para o dia 29 de dezembro.

O pior que o Corinthians não tem plano B.

Um jogador de repercussão internacional, capaz de manter o patrocínio quando Ronaldo parar.

"Nem sonhar com Tevez.

O Manchester City pagou 50 milhões de euros e não nos emprestaria de jeito nenhum.

O torcedor pode esquecer", diz o próprio Andres Sanches.

Loco Abreu é oferecido todos os dias a ele.

O presidente enrola, não diz nem sim , nem não.

Busca outra alternativa no mercado para chegar e disputar a Libertadores.

Ricardo Oliveira do Al Jazira, Alecsandro do Inter, William do Figueirense são opções mais fáceis.

Enquanto isso, Andres Sanches diante da aparente recusa de Adriano repete a companheiros de diretoria.

"Desta eu escapei. Não vou ficar com cara de babaca.

Não prometi Adriano a ninguém..."

http://r7.com/mfYm