133 Diego Souza anuncia seu futuro hoje, após a final do Pernambucano. O Palmeiras acredita no dinheiro. Oferece R$ 800 mil mensais mais contrato de três anos. O Sport acredita no amor do jogador ao Recife. Imprensa pernambucana desmente multa impagável...

No dia 22 de março de 2016, Diego Souza deixava o Fluminense.

Estava arrependido de ter deixado o Sport.

Tinha 31 anos, recebia R$ 400 mil mensais.

Mas estava profundamente infeliz.

Ninguém entendia o motivo.

Levir Culpi foi a primeira grande suspeita.

A desconfiança da imprensa carioca era que gostaria de tratamento diferenciado.

E que o clube já dispensava a Fred todas as regalias.

Inclusive do treinador.

Mas não era esse o motivo.

A ESPN publicou que o time carioca estava rachado. Havia dos grupos. Um comandado por Fred. E outro por Cícero. Diego Souza detestou essa divisão, esse clima tenso, ruim. Ao se aproximar de Cícero, se afastou de metade do elenco.

Avisou seu empresário, Eduardo Uram, que havia se arrependido de sair do Sport, onde era tratado como o principal jogador. Sem contestação, reclamação, cara feia, guerra de ego por parte do restante do elenco. A direção do time pernambucano respondeu que as portas estavam abertas para o retorno precoce, após três meses. Com personalidade, Diego Souza procurou a cúpula do Fluminense e falou que iria embora. Não estava feliz. Não poderia render.

Aceitou ganhar R$ 100 mil menos.

Voltou, feliz da vida, para o Sport.

Aos 31 anos, e sem esperança alguma de Seleção Brasileira. Não fazia parte dos inúmeros atletas que eram chamados por Dunga. Se afastava do eixo Rio-São Paulo, onde a pressão da mídia por convocações é mais forte.

A volta ao Sport era a 12ª troca de equipe, em 12 anos de carreira. Diego Souza já tem um patrimônio mais do que considerável. Está muito bem, independente financeiramente. Não precisa mais do futebol para viver. O que acumulou é o suficiente para oferecer uma vida de conforto, tranquilidade, estabilidade. Para esta e para a próxima geração de sua família.

Tranquilo, jogando onde se sente bem, tem apoio total dos dirigentes, dos jogadores, da imprensa pernambucana, atuando pelo clube melhor estruturado do Recife, aproveitando praias paradisíacas, com a família e amigos, Diego voltou a render seu melhor futebol.

223 Diego Souza anuncia seu futuro hoje, após a final do Pernambucano. O Palmeiras acredita no dinheiro. Oferece R$ 800 mil mensais mais contrato de três anos. O Sport acredita no amor do jogador ao Recife. Imprensa pernambucana desmente multa impagável...

Tite tratou de matar dois coelhos com uma cajadada. Percebeu que o meia poderia ser o falso nove para a Seleção. Um atleta habilidoso, forte, vibrante e técnico. Capaz de abrir espaço para os velocistas e hábeis Neymar, Philippe Coutinho, Willian, Douglas Costa. E também mostraria a democracia das suas observações, chamando um jogador do Nordeste. O último a ser convocado para disputar uma partida eliminatória para a Copa havia sido o volante Leomar, chamado por Leão, em 2001.

Primeiro, Diego Souza atuou no amistoso contra a Colômbia, em prol da Chapecoense e sua terrível tragédia aérea. Tite adorou seu futebol. E ele briga, de verdade, para fazer parte do grupo que disputará a Copa do Mundo da Rússia, no próximo ano.

O status do jogador se modificou.

Ele passou a ser observado por grandes clubes do eixo Rio-São Paulo.

O que os pernambucanos pagaram para o Fluminense acabou sendo um valor baixo demais. Nada mais do que 600 mil euros, cerca de R$ 2,4 milhões, em março de 2016. O que parece pouco fica ainda mais surpreendente. Esse foi o dinheiro que o Fluminense pagou por 100% dos direitos do meia ao Metalist da Ucrânia.

E ficou combinado.

Sport e Fluminense dividiriam o dinheiro em futura venda de Diego Souza.

O valor da multa do jogador, informado para o Corinthians e Vasco, que se interessaram pelo jogador era de R$ 12 milhões. Só que a imprensa pernambucana garante que não chegava nem a isso. Seria de R$ 5 milhões. Os R$ 12 milhões valeriam apenas para o clube carioca.

"A multa era de quase R$ 5 milhões, e o jogador tem pendências com o Vasco, o que é um obstáculo. Existem duas ações contra o Vasco, uma trabalhista e outra cível (total de quase R$ 7 milhões). Então, para começar, precisaríamos de R$ 12 milhões", confirmou, Eurico Brandão, filho de Eurico Miranda, que comanda o futebol em São Januário.

Na renovação de contrato de Diego Souza com o Sport, anunciada no dia 31 de dezembro de 2016, Eduardo Uram propôs mais 12 meses de contrato, prorrogáveis por mais 12, se o clube e o jogador quisessem. Ficaria em 2017 e 2018. Mas, desde que a multa rescisória fosse de 1 milhão de euros. Sim. "Apenas R$ 3,7 milhões". Isso para se aparecesse uma oportunidade irrecusável.

4reproducao5 Diego Souza anuncia seu futuro hoje, após a final do Pernambucano. O Palmeiras acredita no dinheiro. Oferece R$ 800 mil mensais mais contrato de três anos. O Sport acredita no amor do jogador ao Recife. Imprensa pernambucana desmente multa impagável...

A informação é de Daniel Leal, jornalista do Diário de Pernambuco.

O presidente do Sport, Arnaldo Barros, estaria falando em multa 'impagável' apenas para tranquilizar os torcedores do Sport. E evitar um clima ruim. Afinal, o clube decide hoje o Campeonato Pernambucano diante do Salgueiro.

Em uma ação que parece coordenada, Uram e Alexandre Mattos decidiram não tocar mais no assunto, desde que a notícia vazou, no início desta semana. Conselheiros palmeirenses garantem que o jogador já aceitou um contrato de três anos. Salários dobrados e mais bônus, o que daria cerca de R$ 800 mil mensais para o meia.

A Crefisa bancaria toda a transação.

Desde a multa, salários e bônus.

A única esperança do Sport seria o apego de Diego a Recife.

A decisão do jogador será anunciada hoje.

Logo após a final do Pernambucano.

Porque o Palmeiras só tem até quarta-feira que vem, às 19 horas, para inscrever o meia nas oitavas de final da Libertadores. Isso se ele decidir aceitar voltar ao clube que deixou, em 2010.

78 Diego Souza anuncia seu futuro hoje, após a final do Pernambucano. O Palmeiras acredita no dinheiro. Oferece R$ 800 mil mensais mais contrato de três anos. O Sport acredita no amor do jogador ao Recife. Imprensa pernambucana desmente multa impagável...

Torcidas uniformizadas...

Turma do amendoim...

Conselheiros...

Mauricio Galiotte...

Crefisa...

Todos estão muito otimistas.

E esperançosos quanto ao retorno de Diego Souza.

Só depende dele.

De mais ninguém.

Do jogador que estava 'tranquilo' em Recife.

A vida é surpreendente...

617 Diego Souza anuncia seu futuro hoje, após a final do Pernambucano. O Palmeiras acredita no dinheiro. Oferece R$ 800 mil mensais mais contrato de três anos. O Sport acredita no amor do jogador ao Recife. Imprensa pernambucana desmente multa impagável...

http://r7.com/EHdS