divulgação151 Corinthians preocupado: a fome de Bruno César precisa acabar...

Muitas vezes jogadores de futebol são como crianças...

Diretos, cruéis, sem meias palavras...

E foi assim que Bruno César ganhou o apelido de Chuta Chuta...

O time cansou dele...

Não foi por acaso que Ronaldo desabafou após o empate contra o Noroeste...

Falou que 'certo egoísmo predomina' no Corinthians...

O recado foi direto a Bruno César...

Ronaldo, Jorge Henrique, Dentinho...

Nenhum deles, principalmente Ronaldo, suporta correr, se deslocar e não receber a bola...

O meia mistura deslumbramento por atuar no Corinthians...

Com a revolta de não atuar como gostaria, onde sabe que renderia mais...

Por ordem de Tite, ele tem de jogar mais recuado ou então pela ponta direita...

Bruno César não se sente em condições de reclamar, dizer que detesta atuar assim...

Ele prefere atuar à frente, perto dos atacantes, para tabelar, lançar, marcar gols...

Mas como existe uma linha imaginária que ele não pode atravessar para não embolar com os atacantes...

O meia se vinga chutando para o gol...

Não importa a distância, o lado do campo...

Ele abaixa a cabeça e chuta...

Os companheiros ficam revoltados porque na maioria das vezes estão melhor colocados...

Esperando apenas o passe...

Mas lá vai o Chuta Chuta...

Se a bola não vai para as redes, Bruno César tem de conviver com cabeças balançando...

Olhar de desaprovação...

Ninguém quer comprar uma briga pública, diante da imprensa, da torcida, com o meia...

O problema ganha contornos mais perigosos porque Bruno César tinha a certeza de que seria convocado por Mano...

Ele foi elogiado pelo treinador da Seleção Brasileira por atuar exatamente como gosta...

Como fazia no Santo André...

Mas por ironia do mundo do futebol, Adilson Batista e Tite o deslocaram...

Como se tivessem combinado, os dois o afastaram da área adversária...

A saída que ele descobriu foi o egoísmo...

Chutar para o gol, não importa onde esteja...

Esse será o principal problema que Tite terá de resolver para a estreia na Libertadores contra o Tolima...

Acabar com esse  mal-estar com Bruno César no Parque São Jorge...

Ele o vai deixar  jogar mais perto da área, como sonhava...

Ninguém mais suportava vê-lo estragar tantos ataques corintianos...

E muito menos ele...

Atuar tão longe da área...

E sentir sua chance de atuar na Seleção Brasileira de Mano Menezes se desmanchar...

Por causa de Adilson Batista e Tite...

Veja mais:
+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

http://r7.com/jpQq