Arnaldo Tirone ajudou o Corinthians a receber R$ 30 milhões da Caixa. O clube usou os R$ 25 milhões que a Kia pagaria ao Palmeiras como parâmetro. Pura balela que os dirigentes deixaram a imprensa divulgar. A montadora paga apenas R$ 17 milhões…

ae25 Arnaldo Tirone ajudou o Corinthians a receber R$ 30 milhões da Caixa. O clube usou os R$ 25 milhões que a Kia pagaria ao Palmeiras como parâmetro. Pura balela que os dirigentes deixaram a imprensa divulgar. A montadora paga apenas R$ 17 milhões...
Só faltava essa.

O Corinthians tem o maior patrocínio de camisas do Brasil.

São R$ 30 milhões anuais da Caixa Econômica Federal.

O São Paulo fechou com a Semp Toshiba por R$ 23 milhões.

O grande incentivador desses contratos foi o Palmeiras.

"O Arnaldo Tirone inflacionou o mercado dos patrocínios.

Nunca a Kia pagou R$ 25 milhões como foi divulgado.

O Palmeiras recebe pouco mais de R$ 1,4 milhões.

Com a divulgação do valor errado, os outros clubes se sentiram pressionados.

Precisavam buscar um patrocinador que pagasse mais.

Tinham o Palmeiras como modelo.

Acreditaram nos R$ 25 milhões que a diretoria deixou vazar.

Bobagem.

São R$ 17 milhões por ano que recebemos da Kia.

E olha lá."

A revelação é membro do Conselho de Orientação Fiscal do Palmeiras.

Ele colocou por terra a história que foi muito divulgada este ano.

A de que o Arnaldo Tirone conseguiu R$ 25 milhões com a empresa automobilística.

Ele nunca desmentiu em público.

Era excelente para sua imagem.

Agindo assim, ele provocou uma revolução no Corinthians e no São Paulo.

O dinheiro supostamente pago pela Kia virou parâmetro.

Eles não queriam ficar abaixo do rival.

Depois de muito tentar, o São Paulo conseguiu a Semp Toshiba.

O anúncio não teve o mesmo impacto por causa dos valores.

Eram apenas R$ 23 milhões.

Teoricamente, R$ 2 milhões abaixo do rival rebaixado para a Segunda Divisão.

Mal sabia Juvenal que tinha conseguido o maior patrocínio do país.

Foi assim desde setembro.

Até o dia 19 de novembro, quando Corinthians fechou com a Caixa Econômica Federal.

E garantiu R$ 30 milhões.

No Parque São Jorge, o marketing teve de fazer das tripas coração.

Mesmo com a crise mundial, não poderia ficar abaixo do rival.

Mal sabia Luiz Paulo Rosenberg, que quase conseguiu o dobro dos palmeirenses.

Enquanto isso, a diretoria de Tirone se fingia de morta.

Não se manifestava.

Até porque iria ficar claro que seu patrocínio era só de R$ 17 milhões.

A revelação de Gilto Avallone à rádio Jovem Pan é constrangedora.

Mas tinha mais.

Ele dirimiu muitas dúvidas.

"A dívida do Palmeiras é de R$ 210 milhões.

E muitas cotas já foram adiantadas.

Nós recebemos a cota da transmissão do Paulista até 2015.

Esse dinheiro já chegou e foi embora.

Por isso que as contratações agora terão de passar pelo COF.

Só chegarão jogadores ao clube quando houver respaldo financeiro.

Parceiros, enfim, algo que as viabilize.

Se não tiver, o jogador não será contratado.

O Palmeiras é o clube no Brasil que mais pagou comissões a empresários.

É um absurdo.

Estamos investigando uma denúncia.

A de que a pessoa que passou o telefone do Felipão na Europa ganhou comissão.

O Tirone confessou também que aumentou o salário do Barcos em outubro.

E seu contrato passou até 2016.

(O argentino ganhava R$ 200 mil.

Passou a R$ 500 mil a cada 30 dias.)

A gente perguntava e o Tirone disfarçava.

Na terça-feira finalmente falou.

Há muita coisa errada no clube.

O próximo presidente que for eleito já sabe o que o espera."

Gilto Avallone foi direto.

O Palmeiras só contratou até agora o lateral Ayrton que estava no Coritiba.

E Fernando Prass do Vasco.

As negociações com Riquelme, Rodrigo Souto e Marcio Azevedo foram suspensas.

Para piorar, a volta de Bianchi ao Boca Juniors é péssimo para o clube.

Ele é muito amigo de Riquelme e o quer de volta.

Se o Palmeiras recebesse R$ 25 milhões da Kia, talvez tudo estivesse diferente.

R$ 8 milhões faz uma diferença enorme.

Mas o parâmetro irreal ajudou demais o São Paulo.

E principalmente o Corinthians.

Se os dirigentes desses clubes soubesse que o rival recebe R$ 17 milhões tudo seria diferente.

O empenho seria menor e teriam menos dinheiro nos seus cofres.

Arnaldo Tirone mereceria uma placa de agradecimento.

O efeito colateral do seu silêncio em relação ao patrocínio da Kia foi ótimo.

Para corintianos e são paulinos.

E frustrante para os palmeirenses...

56 Comentários

"Arnaldo Tirone ajudou o Corinthians a receber R$ 30 milhões da Caixa. O clube usou os R$ 25 milhões que a Kia pagaria ao Palmeiras como parâmetro. Pura balela que os dirigentes deixaram a imprensa divulgar. A montadora paga apenas R$ 17 milhões…"

20 de December de 2012 às 05:34 - Postado por Cosme Rímoli

* preenchimento obrigatório



Digite o texto da imagem ao lado: *

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Comentários
  • Hudson da Silveira
    - 21 de dezembro de 2012 - 13:26

    No campeonato por pontos corridos, o campeão é sempre o melhor time, ou seja, a justiça é feita, como são os casos dos campeonatos brasileiros, espanhóis, italianos, ingleses e germânicos. No campeonato de mata-mata, qualquer timeco pode ser o campeão, como é o caso da Copa do Brasil. A Copa do Brasil já foi vencida pelo timeco do Paulista de Jundiaí, pelo timeco do Santo André e pelo timeco do Palmeiras-2012-rebaixado-Tirone-Frizzo-burro-anta-asno. Time bom é time que ganha o Brasileirão, com 38 rodadas, como são os casos do Fluminense-2012, Corinthians-2011, Fluminense-2010, Flamengo-2009 e São Paulo-2008-2007-2006. Quanto à reforma do Parque Antártica, os rebaixados, fracassados e ridicularizados dirigentes do Palmeiras não fazem mais do que a obrigação. Com um estádio pequenininho, o Marechal Hermes, muitas vezes o Botafogo teve ótimos times e ótimos públicos no Maracanã. Hoje, com um estádio novo e grande, o Engenhão, o Botafogo tem um timeco e, consequentemente, o Engenhão, em jogos do Fogão, está sempre vazio. Se o time for bom, pode jogar no Oiapoque ou no Chuí, que o torcedor vai comparecer. Se o time for ruim, pode jogar em um Maracanã, Morumbi ou Mineirão, que a torcida não vai comparecer.

    Responder
  • Ernesto de Minas
    - 21 de dezembro de 2012 - 12:40

    Samanta, minha feiticeira. Como diz meu pai napolitano : malemá ouvi falar em Thiaguinho, eu curto mpb. Claro que Sheik é conhecido. Não é sobre eles que falo, mas sim sobre gente anônima como eu, como vc, como os frequentadores do blog. Entendeu ? E gente simples e anônima palmeirense é chata prá caramba. Ainda sitando meu pai, italiano de Nápoli: palmeirense come chuchu e arrota peru.

    Responder
  • Bia
    - 21 de dezembro de 2012 - 11:07

    Pois é, Cosme, eu tenho uma birra com esses "megapatrocínios"... Por que raios alguém daria tanto dinheiro para associar sua marca a uma marca mal administrada? Isso é pagar pra lavar dinheiro! Todo mundo faz, mas no Palmeiras NEM PAGAM TANTO ASSIM! E será que isso tem base legal? Ficar divulgando um patrocícnio maior que o real não pode dar nenhum problema? Quer dizer, mentira tá liberada?

    Responder
  • Ed
    - 21 de dezembro de 2012 - 10:01

    Com uma diferença no caso da Caixa em um mês já foi para o Japão, melhor visibilidade não há!

    Responder
  • Samanta para Ernesto de Minas
    - 21 de dezembro de 2012 - 08:17

    Ernesto,Ernesto...tstststs...bem típico do CORINTIANO TÍPICO:renegar e esconder o que é desagradável.Quando o filho é bonito todo mundo quer ser pai.As mazelas de sua torcida todo mundo esconde.Agora pra você o tal Sheik não é ídolo,o tal "Thiaguinho "você nem conhece...muito maduro da sua parte...Hehehe...Dá-lhe Porco!!!!!!!!

    Responder
  • Ratatá
    - 20 de dezembro de 2012 - 23:24

    E essa não foi a primeira vez que a direção do Palmeiras dá uma "aumentada" nos valores de patrocínio. Bela ajuda aos rivais, isso sim. (Camisa)

    Responder
  • Eduardo
    - 20 de dezembro de 2012 - 23:23

    Cosme e Hudson o palmeiras foi campeão da copa do Brasil , isso tem que dar crédito a diretoria , e tb está reformando o pq. antártica. A Deus o que é de Deus e a césar o que é de césar.

    Responder
  • PH TRICOLOR
    - 20 de dezembro de 2012 - 22:28

    O maior patrocínio é o do SPFC! O do Curica não conta pois tem o dedo Federal do LULA. O do Tricolor é o que realmente paga o mercado, traduzindo: O MAIOR DO BRASIL. P.S.: tá de da pena do parmeirinha.

    Responder
  • Rodrigo
    - 20 de dezembro de 2012 - 22:02

    Palmeiras se apequenando cada vez mais. Uma pena. Apesar da rivalidade, isso é péssimo para Corinthians, São Paulo e Santos. O Palmeiras tem q ser forte, lutar por títulos, pois é um clube grande, tradicional, vencedor, mas com esse pessoal que comanda, fica difícil.

    Responder
  • Hudson da Silveira
    - 20 de dezembro de 2012 - 18:44

    Presidente do Corinthians: o supercampeão Gobbi. Presidente do Palmeiras: o banana, fracassado, mentecapto, mentiroso e invejoso Tirone. Craque do Corinthians: o excelente Paulinho, titular absoluto da Seleção Brasileira. Craque do Palmeiras: o bichado, mercenário e falastrão Valdívia. Técnico do Corinthians: o raçudo, motivador e estrategista Tite, que merecidamente deveria ser o técnico do Brasil, ao invés do decadente Felipão. Técnico do Palmeiras: o desanimado, morto-vivo e pau-mandado Kleina. Aliados do Corinthians: Rede Globo, CBF, Lula e Caixa Econômica Federal. Aliados do Palmeiras: o vascaíno que aparece no site do Cosme Rímoli com o título de “Campeão Moral”. Notícias recentes do Corinthians: “Corinthians é bicampeão mundial”, “Paulinho está supervalorizado”, “Guerreiro está supervalorizado” e “Renato Augusto é contratado”. Notícias recentes do Palmeiras: “Palmeiras pega R$ 22 milhões emprestados para pagar as contas de dezembro”, “Tirone (acredite se quiser) deseja ser reeleito” e “Alemão (cruz credo) interessa ao Palmeiras”. Objetivo do Corinthians: ser bicampeão da Libertadores e do Mundial. Objetivo do Palmeiras: sair da Segunda para a Primeira Divisão. Objetivo imediato do Corinthians: estudar adversários da desejada e iluminada Libertadores como São Paulo, Fluminense, Grêmio, Atlético Mineiro e Boca Juniors. Objetivo imediato do Palmeiras: estudar adversários da ingrata e indigesta Segunda Divisão como Asa de Arapiraca, ABC de Natal, Guaratinguetá, Paraná, Icasa de Juazeiro do Norte e Oeste de Itápolis. Experiência do Palmeiras: experiência em disputar a Segunda Divisão do Brasileirão de 2003. Experiência do Corinthians: experiência em disputar o Mundial Interclubes, vencendo poderosos nas finais, como o Real Madrid em 2000 e o Chelsea em 2012. Torcida organizada do Corinthians: Gaviões da Fiel, a torcida que lota o Pacaembu sempre. Torcida organizada do Palmeiras: Mancha Rosa, a torcida que não consegue pôr nem 10 mil pessoas em jogos em São Paulo, Barueri, Presidente Prudente ou Araraquara, além de gostar de bater covardemente em policiais femininas.

    Responder
1 2 3 4 5