divulgacao2404 Alguns gremistas chamaram Zé Roberto de macaco no Grenal. Mas e daí, para que levar a sério? Ele mesmo já deixou para lá...
Outra vez um jogador no Brasil é hostilizado pela cor de sua pele.

Zé Roberto denunciou que parte da torcida gremista o xingou de macaco...

E fez gestos imitando o animal...

Basta ele pegar na bola na lateral do campo e lá vinham as ofensas...

Era final do Campeonato Gaúcho...

A decisão mais empolgante do País...

Renato Gaúcho de um lado...

Falcão de outro...

As ofensas iriam passar e ninguém iria comentar se não fosse o destino...

Na decisão por pênaltis coube a Zé Roberto decidir o título...

Cobrou e marcou...

Só nas entrevistas ele resolveu revelar a humilhação que passou...

Disse que já viveu essa triste situação fora do Brasil...

Aqui,não...

Classificou de asqueroso...

Mas como muitos outros jogadores, vai deixar por isso mesmo...

Grafite, Manoel e tantos outros tomaram o mesmo rumo...

O Internacional também não vai se envolver...

Comprar uma briga com a torcida do maior rival não vai acabar nunca...

A CBF fez a mesma coisa quando a torcida peruana fez o mesmo com Diego Maurício na seleção sub-20...

Roberto Carlos não quis levar adiante a banana que o torcedor russo queria lhe entregar...

Como se fosse um macaco...

E assim vamos levando a vida...

Como se tudo fosse normal...

E o futebol vai fazendo sua importante contribuição social...

Divulga o preconceito...

E até pior: o incentivo à omissão...

A covardia das autoridades...

Dos dirigentes...

Dos jogadores...

A lição, o exemplo que fica para os jovens torcedores que fazem sua avalanche no Olímpico...

Por que não seguir os estúpidos que chamam jogadores negros rivais de macacos?

Não acontece nada...

Mais uma vitória da impunidade...

Desta vez na rica e desenvolvida Porto Alegre...

E assim a vida segue...

No Brasil, o país onde não existe preconceito racial...

Então, tá...

http://r7.com/f3Me