150 A Federação Paulista de Futebol desmoraliza seu principal campeonato. Privilegia o São Paulo. O clube de Rogério Ceni fará dois jogos nas quartas, no Morumbi, contra o Linense. Ridículo...
"Futebol se faz com paixão do torcedor, gestão, transparência e receita. Temos que respeitar. Estamos partindo do princípio que o São Paulo está classificado. Não, o São Paulo vai jogar a primeira partida no Morumbi com mando do Linense.

"Esse resultado dos dois jogos só interessa às duas equipes, não interfere em nenhum outro time. Precisa entender, apoiar e acho que foi uma atitude corajosa do Linense."

Estas foram as palavras do presidente da Federação Paulista de Futebol, Reinaldo Carneiro Bastos.

Ele não só justifica, como aplaude o Linense jogar as suas duas partidas das quartas-de-final do Paulista no Morumbi. Pior só o motivo assumido pela direção do clube do interior.

"Tínhamos limitação do estádio desde o ano passado, que vem em obras para atingir limite de público. Ainda não finalizamos as obras. A gente se comprometeu com o Ministério Público e Federação de não levarmos para Lins os jogos contra o clube grande. Por mais que jogássemos no interior, numa cidade mais próxima, perderia todo aspecto esportivo. Em qualquer cidade teria mais torcedores do São Paulo e não teria retorno financeiro como pode ter na cidade de São Paulo. Isso Isso dependeria de um acordo com o São Paulo. Concluímos que dentro de todos esse motivo, a melhor opção seria os dois no Morumbi", diz, feliz, José Hugo Gentil Moreira.

Maravilhoso.

Enquanto Corinthians, Palmeiras e Santos têm de jogar em Ribeirão Preto, Novo Horizonte e Campinas, contra Botafogo, Novorizontino e Ponte Preta, o São Paulo tem o privilégio de atuar em casa.

Porque o Linense não fez a reforma no seu estádio.

Precisava trocar o gramado e instalar sistema de drenagem.

Nem com a prefeitura de Lins ajudando, não deu tempo.

A FPF exigiu essa troca em 2016.

2reproducao18 1024x476 A Federação Paulista de Futebol desmoraliza seu principal campeonato. Privilegia o São Paulo. O clube de Rogério Ceni fará dois jogos nas quartas, no Morumbi, contra o Linense. Ridículo...

Um ano não foi suficiente.

Bastos soube do atraso.

O combinado foi jogar contra os pequenos em casa.

E em outra cidade diante dos grandes.

Assim, o Linense não teve problema algum para disputar o Paulista.

Enfrentou o Santos na Vila e o Corinthians no Itaquerão.

Foi mandante apenas contra o Palmeiras.

E atuou em Araraquara.

É óbvio que o São Paulo foi favorecido.

Duas partidas nos seus domínios.

Desequilibra e desmoraliza o Campeonato Paulista.

O pior é que todos os presidentes envolvidos nas quartas aceitaram.

Eles estavam na reunião pela manhã na FPF.

Foram cúmplices da decisão.

Está cada vez mais claro a inutilidade do Paulista.

Como de todos os Estaduais.

Se fosse importante, relevante...

Classificasse para a Libertadores, todos se revoltariam.

Mas preferiram fechar os olhos.

O São Paulo que desfrute essa vantagem.

A Linense embolse o dinheiro do primeiro jogo no Morumbi.

E que a tevê mostre o estádio repleto de são paulinos.

Duas vezes.

Não é lindo?

Quem sabe não seja o impulso que o clube precisava?

O clube é o grande que está há mais tempo sem Paulistas.

Faz 12 anos a última conquista.

O Palmeiras não vence há nove anos.

O Corinthians há três.

E o Santos é o atual bicampeão.

Como é possível exigir que alguém leve a sério o Paulista?

Quando a própria Federação, a organizadora, o desmoraliza?
332 A Federação Paulista de Futebol desmoraliza seu principal campeonato. Privilegia o São Paulo. O clube de Rogério Ceni fará dois jogos nas quartas, no Morumbi, contra o Linense. Ridículo...

http://r7.com/ex7P