Robben dá adeus à Copa @081017@ 230x300 Quem veio ao Brasil em 2014 e não vai à Rússia

Arjen Robben: 'deixem suas calculadoras em casa'

Das 32 seleções que disputaram a Copa de 2014 no Brasil, três já não têm mais nenhuma possibilidade ir à Rússia: Argélia, Camarões e Equador.

Não farão muita falta, embora fosse curioso a gente poder ver um novo embate entre Argélia e Rússia. Por aqui, o 1 a 1 em Curitiba classificou os argelinos para as oitavas e mandou os russos de volta para casa.

Camarões não fez um pontinho sequer no Brasil, o Equador também dançou na fase de grupos, embora tenha vencido Honduras e empatado com a França.

Fará falta nos campos russos a Holanda, terceira colocada em 2014 ao derrotar o Brasil por 3 a 0.

Para ir à Rússia, a Holanda precisa – precisaria, aliás – golear a Suécia em Amsterdã na terça-feira por sete gols de diferença. É verdade: sete!

Detalhe importante: nos nove jogos anteriores destas Eliminatórias Europeias, os suecos sofreram apenas sete gols.

Robben, maior destaque individual de 2014 em minha opinião, e companhia vão ver a Copa da Rússia na telinha – da tevê ou do computador.

E não esqueçamos que ainda pode ficar de fora a vice-campeã de 2014, a poderosa Argentina de Lionel Messi.

Faria ainda mais falta do que a Holanda de Arjen Robben, que já não tem chance de disputar sua quarta Copa do Mundo, mas não perdeu o juízo, tanto que disse aos repórteres neste domingo:

- Claro que vamos acreditar até o último minuto, mas é melhor ser sincero e falar a verdade: não é nada realista pensar que podemos ganhar da Suécia por uma goleada tão grande. É melhor que as pessoas deixem suas calculadoras em casa.

Das 14 seleções garantidas em 2018, doze jogaram a Copa de 2014: Rússia, Brasil, Inglaterra, Alemanha, Espanha, Bélgica, México, Costa Rica, Coreia do Sul, Japão, Irã e Nigéria.

As marcadas em vermelho não passaram da fase de grupos.

As novidades: Polônia, que ficou de fora em 2010 e 2014, mas acaba de confirmar a presença na Rússia ao vencer Montenegro por 4 a 2 ; e Arábia Saudita, que também não tinha conseguido se classificar para as duas últimas edições e vai disputar na Rússia sua quinta Copa do Mundo.

Atualização (às 16h55)

Já são 15 as seleções na Copa de 2018: o Egito venceu o Congo por 2 a 1, garantiu antecipadamente o primeiro lugar do Grupo E das Eliminatórias Africanas e a presença na Rússia.

É a terceira vez que a seleção egípcia disputará a Copa do Mundo. Antes, esteve nas de 1934 e 1990.

http://r7.com/AM2a