Corinthians faz festa para Kazim 111117 300x190 Kazim é campeão, no peito e na raça

Kazim faz a festa: Corinthians 1 x 0 Avaí

Quando terminou o primeiro tempo no Itaquerão, a torcida corintiana deve ter pensado que o time gastou todo o seu futebol na vitória nos 3 a 2 sobre o Palmeiras no domingo e dificilmente sairia do 0 a 0 diante do Avaí.

Plantado na defesa, o vice-lanterna do Brasileirão obrigava o líder a tomar a iniciativa do jogo. Não é a especialidade do time de Fábio Carille. Quando tem de mandar de mandar no jogo, este Corinthians dificilmente se dá bem.

Lento na progressão com a bola, precipitado nas finalizações, o Corinthians ameaçou muito pouco goleiro Douglas, que fez uma única defesa relativamente difícil nos primeiros 45 minutos.

Por mais que os corintianos gostem de Kazim, que se proclama o Gringo da Favela, não é fácil vê-lo na vaga do artilheiro Jô.

A impressão era de que a bola poderia rolar durante muitos outros 45 minutos sem que o placar se alterasse no Itaquerão.

Que nada!

Corinthians festeja hepta 111117 300x246 Kazim é campeão, no peito e na raçaLogo aos três minutos do segundo tempo, o atacante que nasceu na Inglaterra e é naturalizado turco antecipou-se ao seu marcador e, de peito, tocou para as redes a bola bem cruzada por Guilherme Arana: 1 a 0 para o Corinthians, placar de dez das 20 vitórias do líder absoluto deste Brasileirão.

Não há mais quem duvide que o Corinthians é o novo campeão brasileiro, no peito e na raça, como mostrou, já na abertura da 34ª rodada, o gringo Colin Kazım-Richards.

Ou heptacampeão, como lembravam os corintianos mais animados entre os 42.732 pagantes que foram neste sábado ao Itaquerão.

http://r7.com/l7FA