Posts com a tag: record

Guadalajara – Estamos chegando

Malas prontas. Notebook separado na mochila. Agora é a hora do Pan.

Viajo neste fim de semana.

A maioria das equipes brasileiras já está em terras mexicanas aclimatando, pegando aquela tensão pré-competição.

Meu olhar, no entanto, está no Japão.

Lá a ginástica brasileira vai disputar o Mundial, que classifica para a Olimpíada de Londres 2012.

Jade Barbosa, Daiane dos Santos e Diego Hypolito querem o pódio, mas sabem que o mundo estará lá para tentar a vaga olímpica.

O mundial vai até o dia 16 de outubro, quando a equipe brasileira deixa o Japão rumo ao Pan de Guadalajara.

Lá Jade vai encontrar a grande rival da sua carreira, a norte-americana Shawn Johnson, que não vai disputar o Mundial de Ginástica.

Shawn escolheu o Pan de Guadalajara para sua volta.

Um retorno em grande estilo depois da Olimpíada de Pequim 2008.

Lá ela conquistou um ouro e três pratas.

No Pan do Rio 2007, Shawn Johnson ficou com quatro medalhas de ouro.

Jade tem ouro no salto na etapa da Copa do Mundo de Ghent e foi bronze no mundial de Roterdã 2010 na mesma prova.

Shawn Johnson e Jade Barbosa, um duelo que só o Pan de Guadalajara vai ver.

Um confronto que só a Record vai mostrar.

+ R7 BANDA LARGA: provedor grátis!
+ Curta o R7 no Facebook

+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

Record rumo a Guadalajara

A apresentação da equipe Record para o Pan de Guadalajara foi sensacional.

Pela primeira vez na história da TV brasileira teremos oito horas de Pan no ar.

Anteriormente isso nunca aconteceu.

Até o Pan 2007 no Rio, a geração de TV nunca mostrava tudo do esporte coletivo.

Desde a classificação até a final.

O padrão da transmissão olímpica nunca foi imitado nos Jogos Pan-Americanos.

Agora isso mudou.

Primeiro , porque os responsaveis pela Tv Olímpica , a OBS, vão gerar as imagens de Guadalajara.

Segundo, porque a Record esteve desde o início insistindo com os organizadores para a transmissão total de todos os eventos.

Alguns esportes dependem dessa cobertura. Alguns só com o ouro do Pan garantem a presença em Londres nos Jogos Olímpicos.

Portanto, vamos ficar atentos para natação, polo aquático, handebol, hipismo, pentatlo moderno, tiro esportivo, triatlo e tênis de mesa.

O polo Aquático vai com o ouro. Campeão continental masculino e feminino.

Handebol também se garante com o ouro. Homens e mulheres.

Hipismo também vale vaga para Londres.

A natação vai pelo índice.

Pentatlo Moderno: os campeões estão garantidos.

Tiro esportivo: os campeões das provas olímpicas vão para Londres. Triatlo: só o ouro garante.

Tênis de mesa: campeões individuais estão classificados. Não vale para nenhuma dupla.

E é no tênis de mesa que temos o brasileiro que mais ouros conquistou na história do Pan: Hugo Hoyama, dono de nove. Ele conquistou 14 medalhas no total.

Imaginem esses esportes sem a devida cobertura.

Todas essas competições serão mostradas na Record, Record News e R7.

E nós contaremos essas histórias.

Veja mais:
+ R7 BANDA LARGA: provedor grátis!

+ Curta o R7 no Facebook

+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

A década de Marílson

A terceira vitória de Marílson Gomes dos Santos na São Silvestre foi o encerramento perfeito de uma década para ele.
O brasiliense é o nosso craque das provas de fundo. Tem os recordes sulamericanos dos 5 mil e dez mil metros rasos e venceu a São Silvestre em 2003 e 2005.
Mas ele se tornou um gigante do esporte longe daqui. Foi na capital do mundo que ele escreveu seu nome no livros dos recordes.

A maratona de Nova Iorque é o palco dos maiores fundistas. É na Big Apple que campeões mundiais  correm e se consagram.

Nos últimos dez anos, apenas Marílson foi bi da maratona de Nova Iorque. Paul Tergat, o maior ganhador da hitória da São Silvestre, só venceu uma vez.

Clique aqui para ver como os norte-americanos reverenciaram Marílson.

Nos últimos dez anos, Marílson foi o mais constante atleta brasileiro na mais severa das competições: a maratona.

Hoje, com seu triunfo na São Silvestre, surgem as inevitáveis projeções. Será que ele pode ganhar a maratona em Londres 2012?

Claro que sim. Estará com 35 anos e todos sabem que 2011 será seu ano de preparação para a maratona olímpica.

E o nosso ano?

2010 foi um ano campeão.

Vim para a Record e para o R7 e vivi uma das grandes coberturas da minha vida em Vancouver 2010.

Uma história repleta de índices, conquistas, visões e novas amizades.

Vancouver 2010 foi um marco na transmissão esportiva e a maior definição foi do coordenador de esportes Sergio Hilinsky: "Em Vancouver, a RECORD uniu o jornalismo da Globo ao canal do esporte da Band".

Assino embaixo.

Mundial de Patinação no gelo é aqui!

Um dos maiores eventos do mundo está na Record: o Mundial de Patinação Artística. Até domingo, teremos o desfile dos campeões de Vancouver nos pares, na dança no gelo, no individual masculino e feminino. Quatro títulos em disputa.

Os nomes vocês já conhecem:

Na dança, Tessa Virtue e Scott Moir vão tentar manter a hegemonia em 2010, já que são os atuais campeões olímpicos.

patinação Mundial de Patinação no gelo é aqui!

Os campeões na dança no gelo, Tessa Virtue e Scott Moir, do Canadá

Nas duplas, os vice-campeões olímpicos Qin Pang e Jian Tong estão muito bem, mas Savchenko/Szolkowy são bi-campeões mundiais e ainda Kavaguti/Smirnov da Rússia tambem vão brigar pelo título.

Todos os dias, a partir das 4 da tarde, junto com os eventos dos Jogos Sul-Americanos, vocês acompanharão o mundial de patinação no gelo e os saltos, rodopios, levantamentos e figuras que fazem desse esporte um dos mais belos do mundo.

Veja mais:

+ Diego Hypólito fatura mais um ouro no solo
+ Acompanhe o quadro de medalhas dos Jogos Sul-Americanos
+ Todos os blogs do r7

O ouro é das mulheres

O ciclo olímpico brasileiro começa com os Jogos Sul-Americanos em Medellín. A partir de 19 de março, alguns dos maiores atletas brasileiros estarão em ação por lá e a RECORD vai mostrar tudo.

O Brasil irá com uma delegação gigante: 557 atletas, sendo 285 mulheres. É o país apostando na mulher brasileira, que foi muito bem nas olimpíadas de Pequim: das três medalhas de ouro, duas femininas com Maurren Maggi no salto em distância e o vôlei feminino. A outra foi do nadador Cesar Cielo.

As brasileiras são as favoritas da ginástica rítmica, com a equipe que ficou com o ouro no Pan do Rio. Na ginástica artística, também temos o favoritismo. O Brasil, com suas mulheres, deve ficar com o ouro em tudo.

Entre os homens, Diego Hypolito é absoluto. Afinal, é o número 1 do mundo. E a natação?

Imaginem Thiago Pereira mergulhando nas águas de Medellín e emergindo com seis ou sete medalhas de ouro. Thiago faturou seis primeiros lugares no Pan 2007 no Rio e, por isso, pode se tornar o maior medalhista em Medellín.

Vamos ver.

Veja mais:

+ Record exibe com exclusividade os Jogos de Medellín
+ Todas as notícias de esportes do R7
+ Conheça os blogs do R7