Posts com a tag: ouro

Futebol olímpico, a caminho do ouro

220606081717226537 vcylvwPa f Futebol olímpico, a caminho do ouro

Podem falar qualquer coisa, discordar, mas o futebol masculino pegou uma moleza nessa olímpiada de Londres.

Um grupo fraco formado por Egito, Bielorrussia e Nova Zelândia é uma receita de fazer inveja.

Deve ser o primeiro da chave e aí cruzar com o segundo da chave da Espanha, possivelmente pega o Japão.

JAPÃO ? Em Atlanta-96 ganhou da seleção brasileira que tinha Dida no gol, Aldair, Flavio Conceição, Roberto Carlos, Bebeto, Rivaldo e Ronaldo Fenômeno.

Mesmo assim os  brasileiros se recuperaram no grupo e perderam nas semi-finais para a Nigéria, 4 a 3 de virada .

O Brasil de Londres 2012 terá quem?

Phillipe Coutinho, Sandro, André (ex-Santos, hoje no Galo), o zagueiro Sidnei do Benfica, que já foi do Internacional. Os laterais gêmeos Fabio e Rafael e o time campeão mundial sub 20 com Oscar, Willian José, Casemiro.

Os ex laterais do Santos, Danilo e Alex Sandro, campeões da Libertadores.

Mais Lucas, Leandro Damião, Paulo Henrique Ganso e Neymar. Todos esses jogadores têm idade.

Como o objetivo de Mano é ter a melhor equipe e a preparação para a Copa 2014, ele deve levar três jogadores com mais de 23 anos. Acho que deve levar um goleiraço como Diego Alves e a atual dupla da zaga brasileira David Luiz e Thiago Silva.

Um time que pode chegar ao ouro olimpico e base da seleção na Copa 2014.

Time de respeito.

Veja mais:
+ Todos os blogs do R7
+ Curta o R7 no Facebook
+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia

Medalhas de ouro – Cuba está chegando

Segurar uma posição dessas contra uma das maiores potências esportivas do planeta é muito difícil.

Hoje, em Guadalajara, o esporte brasileiro começou muito melhor que o Pan do Rio, quando Cuba ficou com a segunda colocação no quadro de medalhas.

O Pan do Rio, aliado à sede olímpica de 2016, possibilitou uma melhoria do nosso esporte, mas a ponto de vencer os cubanos?

O diferencial será no judô. As finais serão na sua maioria entre brasileiros e cubanos. Um ouro que vale por dois. Um para sua conta e outro que o adversário deixa de ganhar.

Faltam três dias para o final dos jogos e essa luta pelo segundo lugar empolga.

Vamos ver quem leva!

Veja mais:

+ R7 BANDA LARGA: provedor grátis!
+ Curta o R7 no Facebook

+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia

+ Todos os blogs do R7

 

Milésima medalha está chegando! Questão de horas ou de ouros?

Antes de começar o Pan, muitos achavam que o Brasil não chegaria à milésima medalha em Pans.

Depois da primeira semana e o banho da natação tudo ficou mais fácil.

Os cinco ouros da vela turbinaram a nossa participação em Guadalajara, garantindo 26 ouros na primeira semana.

Cuba tem 18, mas ainda vai ganhar muitos.

Agora o tira-teima com Cuba pelo segundo lugar vai ser parelho.

Medalha a medalha.

Boxe e halterofilismo eles levam.

Judô é equilibrado.

Mas as mulheres brasileiras do atletismo podem fazer a diferença.

Afinal, Adriana da Silva correu e venceu a maratona feminina.

Veja mais:
+ R7 BANDA LARGA: provedor grátis!

+ Curta o R7 no Facebook

+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia

+ Todos os blogs do R7

Natação brasileira na corrida do ouro

Após o mundial de Xangai todos esperavam um show.

Afinal, o Brasil ganhou quatro ouros.

Mas quando ele se  torna real a sensação é bem melhor.

No primeiro dia das piscinas veio um ouro com Thiago Pereira e três pratas.

Thiago Pereira Agif 700x525 Natação brasileira na corrida do ouro

Medalhas que turbinaram o dia brasileiro e possibilitaram o melhor início de um Pan de todos os tempos.

Nunca o esporte brasileiro começou tão bem a olimpíada das Américas.

No segundo dia das competiçoes, as piscinas viram a estreia de Cesar Cielo e ainda uma dobradinha.

cielo2 t 20111017 Natação brasileira na corrida do ouro

Nos 100 m, Felipe França mostrou porque é  campeão mundial dos 50 m peito.

O segundo colocado foi Felipe Lima.

Ouro e prata para o Brasil.

E Cesar Cielo numa estreia devastadora levou os cem metros e conduziu o revezamento brasileiro para outro ouro.

Nicholas Oliveira, Nicholas Santos e Bruno Fratus garantiram a festa da torcida.

kaio450x338 Natação brasileira na corrida do ouro

Mas ainda tem mais: Kaio Márcio, Guilherme Guido,Thiago Pereira estão nas finais de hoje  e mais  festa deve vir por aí.

Veja mais:
+ R7 BANDA LARGA: provedor grátis!

+ Curta o R7 no Facebook

+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia

+ Todos os blogs do R7

Guadalajara e a corrida do ouro

medalhas pan post alvaro Guadalajara e a corrida do ouro
Medalhas do Pan de Guadalajara - Créditos: Divulgação

Impressionante o que me perguntam sobre o quadro de medalhas do Pan-Americano.
Vamos superar o Rio 2007?
A gente torce, mas não distorce.
Chegar as 50 medalhas de ouro é algo muito difícil de acontecer.

A realidade e a sabedoria indicam 40 medalhas.
Um belo resultado, caso aconteça.
Em 1999, no Pan de Winnipeg, foram 101 medalhas no total.
Santo Domingo, em 2003, 123 medalhas.

Hoje vivemos um clima de "superciclo" olímpico. O maior da nossa história.
Vamos de Guadalajara 2011 aos Jogos Olímpicos do Rio 2016.
Cinco anos de desenvolvimento do esporte de alto nível.
Cinco anos de pesquisa e apoio de treinadores estrangeiros.
Por isso nossos atletas estão motivados demais para o Pan.
Eles sabem que todo país estará de olho durante todo esse tempo.
E ainda olheiros e patrocinadores que irão atrás da melhor oportunidade.

A corrida do ouro do Pan de Guadalajara vai transformar a vida de muitos atletas que saíram de comunidades e hoje correm atrás da glória.
Quem garantir o ouro irá melhorar a vida nos próximos anos.
É o começo do sonho.
Banhado no ouro pan-americano.

Veja mais:

+ Curta o R7 no Facebook
+ Siga o R7 no Twitter

+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

Cielo, o campeão voltou

cielo chora 300 Cielo, o campeão voltou

Pressão, expectativa.


A final dos 50 m borboleta era a primeira após a divulgação do exame positivo de Cesar Cielo. Com a advertência, ele caiu na água cercado de tensão, com adversários fortes como o francês Manaudou e os australianos Hueggil e Targett.


Mas Cielo fez um tempo ainda melhor na final - 23 segundos e 10 centésimos.


Ouro para o Brasil.


A explosão de choro e emoção após a vitória deu a noção de como ele se sentia nesses dias pré-competição.


A angústia da prova e os olhares do mundo.


Cesar Cielo conquistou o segundo ouro do Brasil em Xangai. O primeiro foi de Ana Marcela, nos 25 km.


Agora ele tem mais duas provas -50 e 100 m livre, onde foi campeão no Mundial de Roma, em 2009.


Favorito nos 50 m livre, onde é o atual campeão mundial e olímpico, Cesar Cielo tem que conviver com o favoritismo e a pressão do Mundial.


Afinal, falta um ano para os jogos olímpicos e esse é o momento de maior cobrança da sua carreira.


Boa sorte, Cesão.

Veja mais:

+ Curta o R7 no Facebook
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7

Brasil e o vôlei de ouro

Giovane Gavio blog Brasil e o vôlei de ouro


A decisão da Superliga masculina mostrou a evolução do nosso esporte. Uma modalidade que dispensa apresentações e que tem 16 medalhas olímpicas na praia e na quadra.


Dessas 16 medalhas, cinco são de ouro: seleção masculina de 92, em Barcelona, Jaqueline e Sandra na praia, em Atlanta-96, Ricardo e Emanuel na praia, em Atenas 2004, seleção masculina em Atenas, 2004, e a equipe feminina em Pequim 2008.


Dessas cinco conquistas, apenas três vencedores estiveram em duas: O técnico Zé Roberto, campeão com os homens, em 1992, e com as mulheres, em 2008, e os jogadores Maurício e Giovane.


As duas medalhas de ouro e muita observação deram a oportunidade a Giovane, jogador notável e técnico de ponta, que faz a diferença. Ele representa uma geração que levou o esporte brasileiro para a sua primeira conquista coletiva. Imaginem, o vôlei tem cinco medalhas de ouro olímpicas e o futebol não tem nenhuma.


Planejamento e preparação fazem parte do esporte de alto nível e fizeram parte da vida de Giovane, hoje um dos grandes técnicos brasileiros. O título conquistado pelo Sesi sobre o Cruzeiro prova isso.


Hoje, ninguém tem dúvida que o vôlei vai brigar por todas as medalhas nos Jogos Olímpicos de Londres 2012: masculina, feminina, dupla masculina e dupla feminina.


E os dois supertécnicos do esporte, Bernardinho e Zé Roberto, têm um jovem discípulo chegando para se tornar um grande também.


Quando deve chegar à seleção?


Veja mais:


+ Siga o R7 no Twitter
+ Veja os destaques do dia
+ Todos os blogs do R7